Visitei Porto enquanto estava morando em Portugal. Não coloquei na lista a cidade como destino para morar, pois a minha intenção era economizar com hospedagem durante o período em que estivesse em Portugal.

Como tenho família no país, morei com eles em uma cidade bem pequena. Mas aproveitei a oportunidade para conhecer Porto e verificar se realmente é um bom destino para nômades digitais.

Confesso que a cidade me surpreendeu positivamente, não apenas pela questão de custo, mas pela facilidade de andar pelos lugares. Confira 8 vantagens que me fizeram perceber como Porto pode ser um excelente porto seguro para nômades digitais.

1. Facilidade para chegar até o Porto

A cidade do Porto tem um aeroporto internacional que recebe voos diretos do Brasil. A TAP é a principal companhia aérea de Portugal que faz esse trajeto. Mas se você estiver pela Europa, pode viajar com alguma companhia low cost como a Ryanair.

Quem já está em Portugal pode chegar ao Porto de avião, ônibus ou trem. Há voos diários de Lisboa para Porto que chegam a custar 10 euros na Ryanair (lembrando que esse valor é sem mala).

No entanto, se você deseja fazer o trajeto de busão, saiba que o percurso dura cerca de 4 horas com paradas. O valor da passagem gira em torno de 19 euros e a viagem é feita pela empresa Rede Expressos.

Mas, sem dúvida, pegar um trem é a melhor forma de chegar ao Porto quando você está dentro de Portugal. Saindo de Lisboa a viagem dura cerca de 3 horas e é possível encontrar passagens no valor de 9,50 euros por trecho.

Viagem de trem
Viagem de trem para Porto

2. Oportunidade de conhecer atrações interessantes

O Porto é um dos principais destinos históricos de Portugal. Portanto, você vai encontrar várias atrações e monumentos antigos na cidade. Sendo assim, confira os pontos turísticos que você não pode deixar de visitar enquanto estiver por lá.

1. Livraria Lello

Quem é fã da saga Harry Potter ou apenas um apaixonado pelo mundo dos livros, não pode deixar de conhecer a Livraria Lello. O lugar é considerado uma das mais belas livrarias do mundo, além de servir de inspiração para a autora de Harry Potter.

Livraria Lello
Livraria Lello

2. Igreja e Torre dos Clérigos

A Igreja dos Clérigos possui o formato arredondado e foi a primeira igreja construída nesse formato em Portugal. Já a Torre é considerada um dos principais símbolos de Porto e haja fôlego para subir os seus 240 degraus.

Igreja dos Clérigos
Igreja dos Clérigos

3. Estação São Bento

A Estação São Bento está localizada no centro histórico de Porto e funciona desde 1896. Se você chegar na cidade de trem, vai descer nela. Mas o que mais chama atenção no lugar são seus painéis de azulejos portugueses.

Estação São Bento
Estação São Bento

4. Ribeira

Ribeira é uma região que beira o Rio Douro. Suas ruas são super estreitas e a maioria das casinhas é toda colorida. Um ótimo lugar para caminhar, ver o pôr do sol e atravessar de um lado para o outro pela Ponte Dom Luís I.

Ribeira
Ribeira

5. Cave na Vila Nova de Gaia

A Vila Nova de Gaia é uma cidade do outro lado do Rio Douro. Nela você vai encontrar várias caves do vinho do Porto. Escolha uma para entender como funciona a produção de vinho e, de quebra, deguste muito.

Cave
Cave Vila Nova de Gaia

3. Sem dificuldades para se locomover

Como a cidade não é grande, você pode se locomover tranquilamente a pé. Contudo, é preciso ter fôlego para subir as ladeiras. Porto é cheio de ladeiras por todos os lados e a maioria das ruas é feita de pedra.

Como nômade digital eu prefiro morar em uma cidade que me facilita a locomoção como Porto, mesmo que eu tenha que subir ladeiras. Dessa forma, eu não preciso gastar com transporte.

4. Bom preço das hospedagens

A maioria dos nômades digitais acaba se hospedando pelo Airbnb e em Porto há uma grande variedade de hospedagens pela plataforma. Mas também é possível encontrar boas opções de hostel, se essa for a sua preferência.

Dependendo da localização, na baixa temporada é possível encontrar apartamentos no Airbnb para casal na faixa de R$3.500,00 por mês (sem negociação). Agora se a intenção é ir na alta temporada, se prepare para pagar algo em torno de R$5.000,00 a R$6.000,00.

Mas se você prefere compartilhar apartamento, é possível encontrar quartos privativos por R$2.000,00 na baixa temporada por 30 dias e R$2.800,00 na alta temporada (sem negociação).

No Booking.com você consegue encontrar quartos privativos para uma pessoa por R$3.200,00 para 30 dias na baixa temporada e R$4.500 na alta temporada. Lembrando que na maioria dos hostels você vai dividir os outros cômodos como cozinha e banheiro.

Airbnb Porto
Quarto do Airbnb no Porto

5. Custo de vida dentro da realidade

O custo de vida em Porto está dentro da nossa realidade e é mais baixo do que a capital Lisboa. No entanto, os valores de produtos nos supermercados são bem parecidos. Continente, Pingo Doce e Lidl são as principais redes que você encontra na cidade.

O custo com supermercado e gastos extras vai depender do seu estilo de vida. Se você for uma pessoa econômica como eu, que não faz questão de luxo e não é de sair muito, pode gastar em torno de 50 euros por semana entre compras e baladas.

Portanto, gastar em torno de 200 euros por mês, acredito que seja um valor considerável dentro da realidade de Portugal. Você pode até gastar menos que isso porque tudo vai depender do seu estilo de vida.

6. Clima agradável durante o ano todo

O inverno em Portugal não é tão intenso quanto em outros países da Europa. Em Porto, o clima é bem suave, mas com chuva. No mês de janeiro a temperatura varia entre 5ºC e 13ºC, mas a noite fica mais friozinho por conta da proximidade do mar.

Já no verão, a temperatura mínima é de 15ºC e a máxima chega a 28ºC. Mas é o período mais seco e com pouca precipitação de chuva. Mesmo com dias ensolarados, o clima fica bem agradável.

Portanto, não tenha receio de morar em Porto em qualquer época do ano, já que o clima sempre será agradável nas mais variadas estações. Na hora de decidir, apenas tente avaliar seus custos.

Ribeira no Porto - clima
Clima agradável no Porto

7. Vida noturna agitada

A cidade tem uma vida noturna bem agitada que consegue agradar aos mais variados estilos. Se você deseja dançar música eletrônica, deve passar a noite no Gare Porto. Agora se a intenção é ouvir o bom e velho rock, a Tendinha dos Clérigos é o ponto ideal.

Por lá você também vai encontrar uma das baladas mais famosas do mundo: Pacha Ofir. Mas se você prefere o estilo barzinho, saiba que Porto tem diversas opções como o Catraio Beer Shop, Maus Hábitos e o Bar Labirintho.

8. Possibilidade de fazer bons amigos

As principais ruas de Porto estão sempre lotadas de turistas o ano todo, facilitando na hora de fazer alguma amizade. Além disso, ainda há possibilidade de participar de encontros do couchsurfing e meetup que são ótimas opções para conhecer pessoas da cidade ou de diferentes partes do mundo.

O idioma é um fator positivo para nós brasileiros nesse momento, pois dificilmente você terá dificuldades para conhecer pessoas, conversar e trocar experiências. Portanto, aproveite todas as possibilidades.

Para quem quer iniciar na vida nômade de forma mais suave, Porto é um bom destino de partida. Depois é só ganhar o mundo, mas garanto que você vai querer voltar para essa cidade mais vezes.

O que achou das vantagens da cidade do Porto como um destino para nômade digital? Continue em nosso blog e aproveite para entender mais como funciona a vida nômade com o texto “Você quer ser um nômade digital? Siga as nossas dicas!”


Sair dos Trilhos

Hospedagem: Booking.com, Hoteis.com e Airbnb

Transporte: Passagens promo, Skyscanner e GoEuro

Seguro: Seguros promo e Real Seguros

Passeios e Ingressos: GetYourGuide

Câmbio: Transferwise

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *